terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Vereador de Lago da Pedra denuncia o "eterno" problema da falta de água na cidade

O vereador Ariel do Crediário (PHS), procurou o Blog do Carlinhos para denunciar mais uma vez a situação de precariedade do abastecimento de água que afeta os munícipes de Lago da Pedra. Ariel, que está em seu primeiro mandato de vereador, disse que tem visitado rotineiramente o escritório da CAEMA da cidade em busca de explicação para esse grave problema e, nessas visitas, foi informado que a Caema é um órgão que atua mediante a influência política, mas ele diz que a prefeita não tem se utilizado de suas boas relações com o Governo do Estado para solucionar de uma vez por toda a falta d’água em Lago da Pedra.



Funcionários da Caema também informaram ao jovem vereador que alguns poços estão com as bombas queimadas já há algum tempo e, mais surpreendente ainda, Ariel ficou sabendo que há 14 anos, período em que dona Raimundinha, mãe de Maura Jorge, era prefeita de Lago da Pedra, foi perfurado dois poços com grande vasão de água. Um desses poços está localizado no Bairro do Cajueiro e outro na Cibrazem. Esses poços poderiam facilmente resolver o problema da falta de água na sede do município, mas inexplicavelmente foram abandonados pelo poder público municipal. Esses poços precisariam apenas de bombas e algumas infraestrutura para fornecer o precioso líquido que tem faltado nos lares de lagopecrenses.
 

O vereador Ariel do Crediário lembrou um fato curioso sobre esse assunto: no final de 2008, restando apenas quatro dias para encerrar o mandato do então prefeito Luís Osmani, Maura Jorge enviou a ele um oficio solicitando ao gestor que assinasse um convenio com o Governo Federal em que destinaria muito dinheiro para resolver o problema de abastecimento de água na sede da cidade. Osmani foi a São Luís para assinar esse convenio que destinou quase quatro milhões de reais nas mãos da prefeita Maura Jorge para resolver o problema de falta de água nas torneiras de Lago da Pedra.
Sobre o convenio, Ariel pesquisou no Portal da Transparência e encontrou a seguinte informação:

 
“Sistema de Abastecimento para atender o município de Lago da Pedra pelo Programa de Aceleração do Crescimento no PAC/2009, Ministério da Saúde, Valor: R$ 3.857.912,88 (Três milhões, oitocentos e cinquenta e sete mil, novecentos e doze reais e oitenta e oito centavos)”. A última liberação de recursos dessa verba aconteceu em 16 de novembro de 2012, depois da reeleição da prefeita, quando prefeitura sacou 686.330,30 (seiscentos e oitenta e seis mil, trezentos e trinta reais e trinta centavos).
 


Ariel disse não saber se a prefeitura já sacou todos esses milhões de reais de recursos do PAC para sanar o problema de abastecimento de Lago da Pedra, ele sabe apenas que o problema persiste.

O vereador lembrou que nos meses de campanha eleitoral, a prefeita Maura Jorge iniciou a construção de duas cisternas para amenizar o problema. Segundo ele, operários trabalhavam dia e noite para concluir essas cisternas antes do dia da eleição, configurando uma obra eleitoreira. As cisternas foram concluídas, Maura Jorge se reelegeu prefeita, mas as cisternas nunca funcionaram a contento.

“Os poços embarreiraram e água não era de qualidade. As cisternas construídas durante a campanha eleitoral nunca ficaram cheia de água. Essas cisternas são frutos de obras eleitoreiras, mas se pelo menos funcionassem e servissem a população eu não estaria reclamando. Mas elas estão lá, sem serventia alguma, serviu apenas para reforçar a reeleição da prefeita Maura Jorge.” – Queixou-se o vereador Ariel do Crediário.

Enquanto isso a população de Lago da Pedra continua sofrendo com esse problema da falta de abastecimento regular de água. Com a palavra a prefeitura de Lago da Pedra.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!