segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Acusados do caso Décio Sá vão a júri popular - anuncia Juiz Osmar Gomes

SÃO LUÍS - O juiz Osmar Gomes dos Santos, titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri de São Luís, anunciou, na tarde de hoje, que todos os suspeitos de envolvimento no assassinato do jornalista Décio Sá vão a júri popular. Segundo o magistradom, há provas suficientes para que todos os envolvidos fossem pronunciados a júri popular. “Existiram provas para pronunciá-los ao tribunal do júri: materialidade comprovada pelo laudo de exame cadavérico e indícios suficientes de autoria e participação por essa razão, foram todos pronunciados a júri popular pelo tribunal do júri”, disse o Juiz.
O magistrado se pronunciaria sobre 10 dos 11 denunciados, entretanto, hoje pela manhã, o advogado do último envolvido, Marcos Bruno, apresentou suas alegações finais. “Até ontem, apenas dez haviam apresentado as suas alegações. Hoje pela manhã, a defesa dele as apresentou. Então, não houve a necessidade de enviar para a defensoria pública”.
Os envolvidos no crime do jornalista Décio Sá, ainda, têm o direito constitucional de interpor recurso da decisão. Após esta fase, o processo volta à 1ª Vara do Tribunal do Júri para que possa ocorrer o julgamento.
De acordo com o Ministério Público, os envolvidos são:
Os empresários Gláucio Alencar Pontes Carvalho, de 35 anos, e seu pai, José de Alencar Miranda de Carvalho, de 73 anos, mandantes e financiadores do assassinato;
Os policiais civis Alcides Nunes da Silva e Joel Durans Medeiros;
O empresário José Raimundo Sales Chaves Júnior, o Júnior Bolinha, de 38 anos, mediador do crime;
O ex-subcomandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Maranhão, capitão Fábio Aurélio Saraiva Silva, o Fábio Capita, de 36 anos que teria fornecido a arma utilizada no crime.
Jhonatan de Sousa Silva, de 25 anos, assassino confesso de Décio Sá;
Fábio Aurélio do Lago e Silva, o Bochecha, de 32 anos, outro mediador da morte de Décio;
Além de Marcos Bruno Silva de Oliveira, piloto de fuga do assassino; e
Shirliano Graciano de Oliveira, o "Balão", de 27 anos, que continua foragido.
FONTE: www.imirante.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!