sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Qualidade da água que chega às torneiras do bacabalense é garantida pelo SAAE


Uma das primeiras medidas de impacto tomadas pelo atual gestor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Bacabal (SAAE), Leonardo Lacerda, foi à contratação de um engenheiro químico industrial para integrar o quadro de servidores da autarquia.

O SAAE, em toda a sua história, ainda não havia contado com um profissional desse naipe mesmo existindo a função em seu quadro administrativo. A escolha recaiu sobre os ombros da engenheira Fernanda Costa e uma das primeiras decisões adotada por ela foi realizar uma completa assepsia de todos os reservatórios e de todos os filtros por onde circula a água servida ao consumidor bacabalense.

O resultado pode ser sentido na torneira de sua casa: água de qualidade.


Mas como se deu esse processo de mudança ao longo desses poucos meses? A nova direção do SAAE estabeleceu um calendário de higienização dos reservatórios e filtros, transformando esse tipo de trabalho em uma constante, e a engenheira Fernanda Costa implantou a adoção de diversos parâmetros físicos, químicos e biológicos para melhorar a qualidade da água.

A reportagem ela revelou que beber água alcalina é saúde. Com um discurso simples ela frisa que “os estudos médicos são claros: beber água alcalina é essencial para um bom equilíbrio da acidez do sangue.” Explica também que o potencial hidrogeniônico, conhecido popularmente como “PH” é o responsável por medir o grau de acidez, neutralidade ou alcalinidade da água e a sua composição de ácidos, metais e sais.

E todas as ações hoje desenvolvidas pelo laboratório do SAAE trabalham nesse sentido.

Fernanda esclarece que é recomendado que o “PH” da água seja superior a 7.0. Segundo ela, esse valor neutraliza os efeitos do consumo de alimentos ácidos, contribuindo assim para a redução dos sintomas do refluxo gastresofágico. A correção do “PH” é feita com a aplicação de cal hidratada ou carboneto de sódio.

Todas essas medidas vêm sendo adotadas pelo SAAE de Bacabal para garantir ao seu consumidor um produto de grande qualidade. A gestão de Leonardo Lacerda também já adotou a aplicação de flúor e cloro sob as indicações específicas para melhor proteger a população de Bacabal.
Hidrantes para o Corpo de Bombeiros

O prefeito José Alberto Veloso e o deputado federal Alberto Filho estão empenhados diretamente na implantação de uma unidade do Batalhão do Corpo de Bombeiros do Maranhão em Bacabal. A prefeitura contribui diretamente com a doação do local onde a unidade está sendo instalada e o deputado disponibilizou emenda de sua cota orçamentária pessoal para a viabilização dessa implantação.

O SAAE como autarquia municipal foi acionado pelo dois para contribuir com o novo empreendimento. O diretor Leonardo Lacerda recebeu, em seu gabinete, a visita do Tenente Coronel Espindola para saber qual seria a participação da autarquia na implantação da Unidade. Do comando recebeu a seguinte demanda: a implantação de dois hidrantes, um de parede, na própria sede do corpo de bombeiros e, outro de coluna, na frente da própria sede do SAAE, para servirem no trabalho da unidade.

A demanda do corpo de bombeiros já foi atendida em sua primeira etapa. O SAAE já disponibilizou rede exclusiva para alimentar o hidrante da sede da unidade, deixando tudo pronto para operação e já trabalha a implantação do outro hidrante em frente à sua sede.


Da Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!