segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Lojas pegam fogo no centro de Bacabal - mais uma vez limpa fossa combate incêndio

Incêndio pode ter sido criminoso, afirma gerente

Do Blog do Sérgio Matias

GERENTE FALA SOBRE O INÍCIO DO INCÊNDIO - Segundo Rose Alves, as grades de ferro das paredes do depósito da Singolare, localizada na Avenida Carlos Sardinha, foram arrancadas. A hipótese de curto-circuito nas instalações elétricas está, a princípio, sendo descartada pelos proprietários já que por medida de segurança não havia corrente elétrica no local.
           









           Ainda segundo a gerente, todos os móveis e demais produtos para decoração de ambientes que estavam no depósito foram incendiados. O fogo que se alastrou atingiu ainda o show room da loja e os prédios vizinhos onde funcionam a Eletrolar e a Facillar, essas duas na Getúlio Vargas. Um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia do 1º DP de Bacabal e a comprovação se o incêndio foi um ato criminoso ou não só acontecerá após a conclusão dos laudos técnicos que serão feitos nas próximas horas. Em nome dos proprietários a gerente Rose Alves também fez questão de ressaltar que o prejuízo só não foi maior graças a intervenção dos funcionários, da população e da Polícia Militar que num esforço conjunto conseguiram conter grande parte das chamas.

            A gerente também afirmou que, pelo menos por enquanto, não há relação entre o incêndio ocorrido hoje (7) com o que houve ontem (6) no prédio da loja de móveis e eletrodomésticos A Renovar, filial de Pedreiras.

Essa hipótese está sendo levantada em razão dos proprietários, Francisco Saó (Singolare) e Manuel Alves de Araújo (Renovar) serem irmãos.

O INCÊNDIO

           Nas primeiras horas da manhã dessa segunda-feira (7) um incêndio de grande proporção e de causa ainda desconhecida passou a tomar conta das dependencias de uma loja de móveis e eletrodomesticos localizada no centro comercial de Bacabal, em frente ao posto de combustível Giba, na Rua Grande.


                  Como apenas funcionários e populares tentaram conter as chamas o fogo se alastrou e chegou a atingir pelo menos outras duas lojas que ficam ao lado. Para evitar tumulto e manter afastados dos curiosos a polícia precisou interromper o trânsito naquelas imediações. Segundo informações repassadas ao blog, uma viatura do Corpo de Bombeiros de Caxias teria sido acionada e se deslocado com destino à Bacabal, porém, não foi necessário já que a força-tarefa feita por funcionários das lojas e populares cumpriu a missão. Sem um agrupamento que possa agir nessas ocasiões Bacabal outra vez precisou recorrer ao caminhão limpa fossa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!