segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Nobel de Medicina 2013 vai para dois americanos e um alemão

Pesquisadores receberão prêmio por descobertas que ajudam a compreender o diabetes

A real academia de Ciências da Suécia anunciou os americanos James E. Rothman, Randy W. Schekman e o alemão Thomas C. Südhof como vencedores do prêmio Nobel Fisiologia ou Medicina de 2013 por suas descobertas sobre a regulação do transporte de vesículas, um importante sistema celular. Distúrbios neste sistema podem causar doenças neurológicas, desordens imunológicas e diabetes.
AP
Pesquisas dos ganhadores do Nobel ajudam a compreender doenças como o diabetes
Segundo o Comitê do Nobel, os cientistas, que trabalham em universidades americanas, pesquisaram o mecanismo de transporte para o interior da célula, que permite que "as moléculas sejam conduzidas no momento exato para o local certo dentro da célula".
As descobertas tiveram impacto importante na compreensão de como as moléculas são colocadas dentro e fora da célula.
Cada célula funciona como uma fábrica que produz e exporta moléculas. "Por exemplo, a insulina é produzida e liberada no sangue e sinais químicos [neurotransmissores] são enviados de uma célula nervosa para outra. Essas moléculas são transportadas por meio da célula em pequenos pacotes chamados vacúolos", detalha o comitê.
Os vencedores vão dividir o prémio de 8 milhões de coroas suecas (925 mil euros), que será entregue em cerimônia no dia 10 de dezembro, em Estocolmo.
O Prêmio Nobel de Medicina foi o primeiro a ser anunciado este ano. O prêmio de Física será anunciado na terça-feira (8), seguido do de Química na quarta-feira (9). Na sexta-feira (11), será a vez do anúncio do Nobel da Paz.
Confira os vencedores do Nobel de 2012:
Fonte: www.ig.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!