quarta-feira, 2 de abril de 2014

OPERAÇÃO CONJUNTA DAS POLÍCIAS MILITAR E CIVIL DE BACABAL PRENDE DUPLA ESPECIALIZADA EM ROUBOS A BANCOS E HOMICÍDIOS, “ O GRANDE” COM MANDADO DE PRISÃO EM SEIS ESTADOS DA FEDERAÇÃO.

       Uma operação conjunta das Polícias Militar e Civil de Bacabal, coordenada pelo Delegado Regional Carlos Alessandro e o Tenente-coronel Egídio, prenderam no final da tarde do dia 1º, no Bairro Novo Bacabal, os indivíduos EDINAN OLIVEIRA COELHO, conhecido por “Grande”, 40  anos, residente no povoado Bacuri da Linha, município de Olho D’Água das Cunhãs e JADSON RIBEIRO DE SOUSA, conhecido por “Jadinha”, 26 anos, residente na Vila Graciete, Bacabal-MA. Com os mesmos a polícia encontrou 06 (seis) cartuchos. 38mm e uma poção de maconha. As investigações começaram no dia 29 de março, quando através de informações do Serviço de Inteligência do 15º BPM e Investigadores da Polícia Civil de que na cidade de Bacabal, uma grupo de preparava para implantar o terror com roubos, inclusive a bancos e homicídios.

        Após levantamentos chegou-se ao endereço do Bairro Novo Bacabal. Uma equipe composta ainda pelo Major Lenine, Tenente Hamilton e os Investigadores Rocha, Alexandro, Tomaz Fernando e Rogério, foram ao local. Ao perceberem a presença da polícia, Grande, empreendeu fuga, sendo logo capturado. Grande, tem mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça dos Estados de Minas Gerais, Alagoas, Mato Grosso, Espírito Santos, Paraná e Rio de Janeiro,  e Jadinha pela Justiça do Estado do Maranhão, conforme dados coletados junto a Rede Infoseg, sendo os dois considerados de alta periculosidade, com envolvimentos a assaltos e homicídios.
Relatórios do Judiciário da cidade de Pedreiras, assinado pelo Dr. Luiz Carlos Licar Pereira, Juiz de Direito,  onde esteve cumprindo pena naquela penitenciária,  enfatizam que Grande, é mentor de uma quadrilha de assaltos a bancos e a pessoa que organiza todas as ações do grupo, bem como financiador das empreitadas, sendo preso por prática delituosa nas cidades de Açailândia e Igarapé do Meio-MA e que as ações eram planejadas na cidade de Santa Inês-MA.         
              O seu comparsa Jadinha, também de alta periculosidade, tem também uma longa ficha na polícia. Em junho de 2011, foi recapturado na cidade de Lago da Pedra, após fugir do Centro de Ressocialização de Pedreiras, onde cumpria pena de seis anos de reclusão pelo crime de assalto e estava foragido há quase um mês. Em 2009, foi acusado da participação de um roubo seguido de morte no povoado palmeiral, município de Bacabal, quando o senhor conhecido por PEDOCA, dirigente da Assembléia  de Deus, local, foi assassinado em sua residência com dois tiros. A motivação teria sido para roubar certa quantia em espécie que a vítima guardava em sua casa. A época Jadinha fugiu da cidade de Bacabal.


Jadinha, juntamente com três comparsas,  também é acusado da morte da senhora NIVALDETE PEREIRA DA SILVA, ocorrida na cidade de Trizidela do Vale-MA, quando da prática de um assalto a um posto de combustível, no ano de 2009. Os dois foram ouvidos e se encontram a disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!