terça-feira, 24 de junho de 2014

ELES NÃO CANSAM - Castelo anuncia que será candidato a deputado federal mais uma vez

Em carta publicada na edição deste domingo (22) do Jornal Pequeno, o ex-prefeito João Castelo (PSDB) fala sobre o sepultamento da sua candidatura ao Senado e confirma sua pré-candidatura a deputado federal.

Tenho dedicado minha vida pública aos interesses do Maranhão. Como parlamentar ou exercendo cargos na administração pública, pautei a minha trajetória pela coerência política, pela defesa do estado de direito e pela crença na democracia.
Reconhecedor da minha luta, o povo do Maranhão sempre me deu a oportunidade de representá-lo com dignidade. E, por isso mesmo, tenho honrado sempre, com muito trabalho e capacidade empreendedora, a confiança que me é depositada nas urnas pelos maranhenses.
Neste ano de 2014, tenho sido convocado reiteradamente pela voz das ruas para a disputa ao cargo de senador da República. As pesquisas de opinião pública, todas elas, indicam o meu nome como franco favorito para o Senado, com intenções de voto que me apontam com mais que o dobro do segundo colocado. Ou seja, a maioria do eleitorado manifesta claramente a vontade de me conduzir de volta ao Senado.
Não obstante o anseio popular e as reais chances de vitória, o PSDB, partido pelo qual tenho lutado na defesa dos ideais da social democracia brasileira, em reunião de sua Comissão Provisória da Executiva Estadual, realizada no dia 16 de junho de 2014, vetou o meu nome impedindo-me de concorrer nas eleições deste ano ao cargo de senador.
Embora respeite o veto já homologado em ata, reputo que a decisão do partido contraria a vontade soberana do povo. O PSDB optou por indicar somente o candidato a vice-governador numa coligação liderada pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB).
O veto não me desanima, não tira o meu ânimo para a luta. O partido tem o veto, mas o voto é do povo. E, por isso, serei candidato dos maranhenses a mais um mandato de deputado federal.
Não sou um político que se curva a pressões ou conveniências. E a minha história de vida pública está aí para provar. Não faço concessões em nome da minha dignidade e da minha coerência. Digo e repito: abaixo de Deus, quem me comanda é o povo, e a Ele devo tudo na vida. Seguirei o meu caminho com fé e muita determinação para vencer.
Muito obrigado,
João Castelo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!