sábado, 7 de junho de 2014

PT sonha com vice na chapa de Lobão Filho, mas deve indicar suplente de senador

Enquanto a vaga de vice-governador ainda está aberta na chapa do pré-candidato Lobão Filho (PMDB), o Partido dos Trabalhadores recua da indicação. No último evento organizado pelo PT, a legenda tinha decido pela indicação de José Antonio Heluy, para compor como vice, e de Raimundo Monteiro, presidente do partido, como suplente de senador.
Porém, com os últimos acontecimentos nacionais, como a intervenção do PT e PMDB nacionais nas escolhas maranhenses, os petistas abdicaram da vaga de vice para garantir a primeira suplência no Senado Federal.
Sobre a decisão nacional, o presidente do partido disse que a legenda maranhense irá seguir a orientação nacional. “O PT nacional tomou uma posição. A gente está tentando contornar esta situação. Abriu mao da vice pela questão do senado”, disse Monteiro.
Raimundo Monteiro também garantiu que essa orientação não se restringe ao Maranhão, fazendo parte de uma estratégia nacional, já que alguns senadores do Partido dos Trabalhadores irão concorrer a governos estaduais.
“O PT está priorizando a vice. É uma estratégia nacional. Para fortalecer o governo da presidente Dilma, já que alguns senadores vão sair para governo”, afirmou.
Segundo o presidente do PT maranhense, que recentemente esteve em reunião com a cúpula do PT Nacional, a legenda estará focada, além da eleição da presidente Dilma, em continuar com um número expressivo de senadores da própria legenda.
“O PT está focado em não diminuir a quantidade de senadores. Nós vamos seguir essa estratégia”, disse.
Mesmo com a indicação da suplência, a possibilidade do petista Raimundo Monteiro assumir o Senado é muito grande, em caso de vitória da chapa que ele compõe. As expectativas são a de que o futuro senador pelo Maranhào assuma um cargo no Executivo Federal, para abrir a vaga para o petista maranhense.
O indicado a vice
Com a exclusão da possibilidade de concorrer a vice pelo PT, o futuro do ex-secretário de Trabalho, José Antônio Heluy, ainda é incerto. O presidente do PT maranhense disse que eles estão em fase de conversa e acredita ainda na possibilidade de o PMDB indicar o PT por conta própria, mas ressaltou que ainda não dialogaram com o PMDB.
“Estamos conversando com o José Antônio Heluy. Se o PMDB quiser bancar por conta própria a vice, o PT estará junto. Mas ainda não conversamos com o PMDB”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!