quinta-feira, 5 de junho de 2014

Sebrae participa de reunião em Arari com instituição financeira‏

Encontro tratou de financiamento e linhas de crédito específicos para micro e pequenas empresas 
O Sebrae participou, no último dia 29, na cidade de Arari, de reunião para promoção e divulgação do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste – FNE, programa itinerante do Banco do Nordeste que trata da promoção e divulgação das condições de acesso ao crédito disponível no fundo voltado para micro e pequenas empresas e ainda para microempreendedores individuais. Como parceiro, o Sebrae teve papel de destaque no evento, que contou com proprietários de pequenos negócios de vários segmentos que atuam no município, além de representantes da prefeitura municipal, que apoiou a iniciativa.
O gerente da Unidade do Sebrae em Santa Inês, Aluízio Muniz – que atende à cidade de Arari – falou da atuação da instituição na região e a importância da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa como incentivadora e promotora do desenvolvimento dos pequenos negócios locais e reafirmou a disposição do Sebrae em apoiar as iniciativas de sucesso.
Já a gestora do projeto Sebrae Maranhão no Território da Cidadania Campos e Lagos, Kely Lopes, proferiu palestra sobre microempreendedor individual, prestando orientações como os critérios para registro e os benefícios que a legalização proporciona. Ela ressaltou a parceria que o Sebrae mantem com a Sala do Empreendedor Individual de Arari – que faz o primeiro atendimento aos microempreendedores e articula ações para atender às demandas vindas a partir deste contato, como cursos, capacitações e consultorias.   
Também foi apresentado o conjunto de soluções educacionais específicas para atender os proprietários de pequenos negócios, segmento que tem crescido em todo Brasil. Só em Arari já são 204 registros de MEI, segundo Kely. “A partir da Sala do Empreendedor, as nossas ações estão mais intensas nessa região. As demandas tem surgido espontaneamente e o Sebrae tem se colocado a disposição para atender”, pondera a gestora. “Um ponto a ser destacado é a conscientização dos empreendedores da importância de trabalhar na legalidade. Agora eles sabem que a chance de um pequeno negócio prosperar é maior com estas ações”, assegura Kely.  
Gilciléa Marques - Unidade de Marketing e Comunicação - Regional do SEBRAE em Santa Inês - Ma

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!