quinta-feira, 3 de julho de 2014

PCdoB suspeita que invasão a site de Flávio Dino partiu de funcionário do TRE

O jornalista Raimundo Garrone informou hoje (2) mais cedo em seu blog que o PCdoB suspeita que tenha partido de um computador de um servidor do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão o comando para a invasão do site do candidato comunista ao Governo do Estado, Flávio Dino.
Na última segunda-feira (30), a página foi hackeada e a foto do candidato substituída por uma imagem do personagem Dino, da “Família Dinossauro”, com a inscrição “O Maranhão não cairá nesse falso esquerdismo”.
Segundo o jornalista, após uma “varredura” na página de Flávio Dino na internet, descobriu-se o IP da máquina que, ainda de acordo com ele, apontava para um computador no prédio da Justiça Eleitoral. A informação já foi desmentida oficialmente pelo próprio PCdoB e extra-oficialmente por membros do TRE.
“O PCdoB entrou com um pedido para que o TRE-MA promova uma sindicância interna para apontar se o responsável pelo crime cibernético de fato é o servidor do órgão ou se é algum homônimo”, afirmou o jornalista.
Procurada pelo blog, a direção do PCdoB confirmou o pedido de sindicância e informou que apurou apenas que a invasão partiu de um servidor do TRE, não de um computador do órgão.
O TRE ainda não se posicionou sobre o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!