quinta-feira, 3 de julho de 2014

Prefeito de Imperatriz corta ponto de professores grevistas

Mesmo que impopular, o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB), tomou este mês uma decisão: cortou os pontos de todos os professores  da rede municipal de ensino que estão em greve. Disse ele: "se não apareceu para trabalhar, não há porque receber salários." E a medida foi concretizada no salário do mês de junho, que caiu (ou não caiu, no caso dos grevistas) esta semana nas contas do trabalhadores da educação. Como é impopular pela sua própria natureza, no entanto, a decisão do prefeito deve acabar acarretando o acirramento do movimento paredista em Imperatriz.
Do http://gilbertoleda.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!