sexta-feira, 5 de junho de 2015

DINO - “Transmito a certeza de que crimes vão diminuir mais”

MARANHÃO DA GENTE – O governador Flávio Dino, em sua conta pessoal no twitter, acalmou a população sobre a questão da segurança pública e confirmou os recentes resultados apresentados pela Secretaria.
“Desde o dia 1 de janeiro estamos tomando todas as providências para combater ciclo de violência que vem crescendo todos os anos no Maranhão”, disse.

Flávio também falou sobre ações que já vem sendo tomadas para garantir que o número de crimes continue sendo descendente. “Aumentamos número de policiais com redução de pessoal em serviços administrativos. Compramos novo serviço de radiocomunicação e armas. Chamamos concursados na Polícia Militar e na Polícia Civil. E aumentamos a remuneração de todos os policiais”, afirmou. Ele também garantiu que, após o término do concurso e treinamento dos aprovados na Academia, a cidade contará com mais policiais nas ruas. “Essa é a lei, que será respeitada”, continuou.

O governador também esclareceu sobre o apoio recebido da Força Nacional. “Desde fevereiro, solicitamos presença da Força Nacional em São Luís, p/ investigação de homicídios, o que foi atendido pelo Governo Federal. A Força Nacional está atuando há meses no Maranhão, desta feita com foco no que há de mais urgente: investigação de homicídios”, esclareceu.
Sobre a redução de crimes, Flávio afirmou que É preciso distinguir o problema real, grave, do que é mera luta política, movida pelo poder de ontem, incomodado com a perda de lucros.

Flávio Dino também comentou sobre o caos em que recebeu o governo, especialmente a área da segurança pública, com os crimes descontrolados e quadrilhas que mandavam nas ruas e na penitenciária. Basta comparar. E ver que a curva de homicídios que era ascendente agora é declinante. E vai continuar assim”, garantiu. Flávio fez questão de acalmar a população contra os excessos que surgem a todo tempo na mídia. “Há uma campanha suja contra os policiais e o sistema de segurança. Mas transmito a certeza de que crimes vão diminuir ainda mais”, tranquilizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!