sexta-feira, 17 de julho de 2015

Roberto Costa discorda de Roseana Sarney quanto à escolha do candidato do PMDB

Do Imparcial.com.br

Roberto Costa considera que a legenda apoie o deputado Neto Evangelista (PSDB), caso o PMDB não saía com candidatura própria


Em direção contrária à declaração da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), o deputado Roberto Costa (PMDB), presidente do diretório estadual da sigla, afirma categoricamente que o partido não abrirá as portas
para a candidatura do ex-deputado Ricardo Murad (PMDB). A ex-governadora declarou ao blog de um jornalista local, que lançaria e gostaria de ajudar a candidatura do ex-deputado Murad.
Roberto Costa declarou que esta afirmação é somente um ato de prestígio para com o aliado da ex-governadora. “Nós respeitamos as posições da governadora Roseana. Primeiro ela é uma das líderes dentro do PMDB e ela tem todo o nosso respeito. Eu vejo essa declaração como a de um presidente de time de futebol: o técnico já caiu e ele está prestigiando o trabalho dele”, disse.
Costa reafirmou o posicionamento do partido que é o de apoiar a candidatura de Roseana Sarney. “Em relação à questão municipal hoje o partido tem uma definição muito clara, que seria a própria candidatura da governadora em São Luís porque entendemos que ela representaria um projeto diferenciado para a cidade, que a população espera que aconteça para ter as melhorias em sua vida”, informou.
Uma alternativa dentro do próprio partido seria a candidatura do próprio Roberto Costa ou do vereador Fábio Câmara. “Não sendo a governadora, o partido já tem um encaminhamento que é a de analisar a candidatura tanto do deputado Roberto Costa, quanto do vereador Fábio Câmara. No projeto político do PMDB a gente não tem nenhuma possibilidade de discutir a candidatura do ex-deputado Ricardo Murad”, declarou o parlamentar.
Apoio ao PSDB
Em conversas com a reportagem de O Imparcial, o deputado Roberto Costa afirma que possui admiração e respeito pelo deputado Neto Evangelista (PSDB), atualmente ocupado o cargo de secretário de estado do Desenvolvimento Social. O presidente do diretório do PMDB declarou também que, caso o PMDB não saía com candidatura própria, a legenda estudaria a possibilidade de apoiar o PSDB, caso, também, o colega Neto Evangelista fosse o candidato do partido.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!