quarta-feira, 12 de agosto de 2015

BRINCADEIRA - Anderson Silva diz que usou ‘viagra’ contaminado

Suspenso desde 18 de fevereiro por doping, o ex-campeão dos médios do UFC Anderson Silva enviou, na terça-feira, à Comissão Atlética de Nevada (NAC), um documento em que nega o uso das substâncias proibidas drostanolona e androsterona, mas admite o consumo de ansiolíticos — para combater ansiedade e insônia — na véspera da luta contra o
americano Nick Diaz, no dia 31 de janeiro.
De acordo com o site Combate.com, a defe
sa do lutador alega que a existência de drostanolona no exame é resultado da contaminação de um suplemento para melhorar a performance sexual usado pelo atleta. Já a androsterona se justificaria pelo uso de um outro tipo de suplemento contaminado, mas que não foi especificado.
Anderson Silva será ouvido pela NAC na quinta-feira. O julgamento já sofreu três adiamentos. Como Diaz também foi pego no doping, por maconha, o procurador geral de Nevada, Christopher Eccles quer que o resultado da luta seja alterado para “No Contest” (sem resultado).
Eccles ainda pede que Anderson seja multado em, no máximo, US$ 250 mil (cerca de R$ 875 mil), e que pague pelos custos de investigação e do laboratório. O atleta ainda terá que apresentar um exame de urina negativo para esteroides antes de solicitar uma nova licença para lutar no estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será analisado e logo será postado. Obrigado!